Incoerência do PS quanto a modelo de crescimento e autoritarismo

2 02 2023

Então não é o PS que defende o modelo de crescimento baseado na procura interna, por oposição ao PSD que prefere o modelo de crescimento “alavancado” pela procura externa e investimento estrangeiro ( baseado nos baixos salários)? Bem, então o Medina tem de ir rever uns coisinhas sobre o multiplicador keynesiano do PIB…. Eu relembro as bases: é aquele que diz que se o Estado fizer uns buracos e depois os tapar, pagando aos trabalhadores que executam a obra , se vai impulsionar o PIB…. Bem, então se o mesmo Estado valorizar a carreira de uma ou várias classes profissionais que trabalham para o dito Estado nada disso vai acontecer, só vai gerar inflação? Mas isso é o que dizem os “neoliberais” que também acham que pagar a dívida é muito , muito , muito importante, por causa dos moody’s e dos standard and poor’s e os outros observadores de … agora ia dizer uma asneira,… da situação de solvabilidade de países alheios. Por outro lado, parece que existem 11 mil milhões de dívidas fiscais nos tribunais à espera de serem executadas… e foram 3,2 mil milhões para a TAP , e muitos mais mil milhões para os bancos antes disso…. já recuperámos esse dinheirito que os contribuintes emprestaram a esses bancos? Seria talvez altura de cobrar e assim a sacrossanta dívida pode ir diminuindo ao mesmo tempo que se valorizam os profissionais do SNS e da Escola Pública e não só. Se os professores tiverem estabilidade e uma carreira digna , tal como os médicos, polícias e função pública em geral vão ficar por cá, vão gastar esse dinheiro em Portugal, vão descontar para a segurança social em Portugal, vão ter os filhos no nosso país, que por sua vez geram outras despesas que segundo o tal modelo impulsionarão o crescimento da oferta, ou seja da produção e do emprego que por sua vez gera receita num ciclo virtuoso que é bem conhecido e nunca foi provado que não funciona ou seja , a polémica persiste, mas a meu ver o funcionamento do multiplicador não é compatível com a economia de casino….

O PS parece destinado a fazer aquilo que os neoliberais queriam fazer mas não conseguem , pois sabem que a rua não vai deixar, mas a rua parece deixar o PS fazer o que lhe apetece… Ou desta vez não?

Quanto ao dito acórdão dos serviços mínimos, a revelar o autoritarismo do regime (não me convencem da independência dessa coisa “arbitral” ) já pensaram no risco enorme que estão a correr, senhores diretores das escolinhas, ao obedecer como vermes e ao manter a escola aberta mesmo sabendo que os assistentes operacionais , em tempos normais, sem greve, só vão conseguindo cumprir o seu trabalho normal precisamente porque os professores estão com os miúdos nas aulas? Os assistentes operacionais deveriam fazer como os enfermeiros e assinar declarações de não responsabilização.





Serviços mínimos: assistentes operacionais das escolas

2 02 2023

Li aquela “coisa” dos serviços mínimos. Aquilo é a enumeração das tarefas normais de um assistente operacional. Só ficou de fora a limpeza, alguém se esqueceu que as casas de banho podem tornar-se inoperacionais se não houver limpeza. Foi esquecimento do colégio arbitral ou lá o que aquilo é, que deve ser tão importante que se sobrepõe à Constituição sem qualquer problema de veto presidencial ou coisa parecida, é para cumprir e os senhores diretores… cumprirão com zelo, e são muitos os que o farão, eu aposto que é a maioria…. Pois a gestão deveria mudar também , mas isso não é “sindical”.

Entretanto que diz o sindicado domesticado da Função Pública ligado ao PCP, perdão, à CGTP? Não há providências cautelares? Qualquer coisinha assim?





Filmes perto de si

30 01 2023

O filme que passei no último post é conhecido de muitos, não fui a única a sair precocemente e não é a primeira vez que aqui neste blogue o tenho “passado”. Eu estava no 10º escalão que era o topo da carreira do “meu tempo”. Depois de Sócrates e a Lurdes Rodrigues terem destruído a carreira e dividido os profs, por alguns tempos , fomentando o clientelismo, com a criação de quotas para classificações na avaliação de profs, quotas para o 5º escalão , quotas para o 7º escalão, já muitos ficaram retidos no quarto e no 6º , com avaliações feitas sabe-se lá como e por quem (alguns protestaram e há” instâncias” para “resolver ” esses casos, sendo geralmente não atendidos, tanto quanto se me é dado saber ou adivinhar). Os que podiam sairam já da profissão , uns para a aposentação , mesmo ganhando menos do que eu, pois entretanto a saída precoce foi ainda mais penalizada. outros para fazer outra coisa mais útil na vida tendo em conta que os profs fazem burocracia , burocracia , burocracia e nos intervalos da burocracia dão umas aulas que , como é de supôr, não poderão ser as melhores. Digo eu.

O filme pode ser ainda mais explícito: há bullying e quem disser que não há mente descaradamente. Não estou a referir-me ao bullying entre alunos , esse já ninguém se atreve a desmentir desde que se não diga o nome da escolinha, pois muitos diretores preferem encobrir… mas adiante. Há bullying sobre professores, sobre os que não são nem amigos nem afilhados dos poderes nas escolas. De forma consciente ou inconsciente alguns profs são vítimas de bullying de forma intencional pois estão à frente de um amigo ou de alguém com poder para instigar o dito bullying que se traduz em Português por “assédio moral” , mas muito difícil de provar em sede jurídica e saem também por isso. Imaginem como não seria com os diretores associados em poder local!!!!!!!!!!!

Estes filmes passam numa sala ao lado de si e se não quer ver, nem ouvir nem sobre isso falar, problema seu, mas estará a pactuar. Digo eu.

Agora os profs estão de novo unidos tal foi o desplante dos últimos ataques da tutela. Seria bom que se unissem mesmo a sério, doa a quem doer. Pois haverá muitos (mas uma minoria, claro está) que estão com os dois lados, como aconteceu em 2008 , gentinha que não quer perder os poderes que construiu… numa teia de relações a que eu chamo clientelismo. Denunciem essas situações , por favor! Pois é mesmo o universo concentracionário a instalar-se na escola pública não superior à semelhança do que aconteceu com o ensino politécnico. Se não sabem o que aí se passou e passa, informem-se. E, já agora, revejam o filme (agora é mesmo um filme , de Bergman) “O Ovo da Serpente”.





O “prazo de validade” do ministro Costa prescreveu

29 01 2023

É mesmo isso e com agrado verifiquei que a fórmula foi aplicada, não interessa por quem, também a um macho (ainda que , convenhamos, relativamente jovem , como é o caso deste ministro). Se é que me entendem. Adiante…

Eu acho que já foi empossado com o prazo caducado, pois antes disso já ele mandava no ME, pois o outro, o Rodrigues, era um não-ministro, mas isso é outra conversa, muitos ou muitas estavam seduzidos pelo “parlapiê” do secretário de Estado e só depois foram percebendo a vacuidadade daquilo tudo. Nem quero dizer muito mais, apenas deixar claro que tenho esperança que desta vez os profs não desistam e desta vez, não deixem os sindicatos do sistema ou outros quaisquer cozinhar “memorandos de entendimento” sem serem ouvidos primeiro, como aconteceu em 2008, com pizzas ou sem elas…

Eu diria mais, mas não me quero alongar muito, pois estou de fora, considero-me uma baixa de guerra, não uma vítima. O raio que os partam, não fizeram nem farão de mim vítima, lutei e percebi que era de aproveitar a saída que ainda existia, sem me submeter a juntas mérdicas que deveriam estar nos SNS a salvar vidas. Não era impossível a reforma por inteiro se tivesse ido por essa via. Dar-me como incapaz? Só morta ou severamente estropiada. Mas o que é certo é que me era insuportável a ideia de ser avaliada por pessoa menos graduada, que concorria comigo para os mesmos lugares de carreira. Aliás toda a atmosfera de competição que grassava pelas escolas, mesmo depois do fim dos “titulares” foi o ovo da serpente chamada Maria de Lurdes Rodrigues, ela foi embora, mas o ovo continuou a chocar e havia quem gostasse de o aquecer nas escolas…. sobre isto mais não vou dizer, vou só acrescentar que seria bom que se percebesse e fosse dito claramente que o facilitismo veio por via da avaliação de professores, a partir do momento em que o “sucesso” dos alunos passou a ser um dos critérios da avaliação dos profs compreende-se bem como as notas negativas de primeiro período se transformam miraculosamente em positiva no terceiro e mais não quero dizer.

Mudei de escola para não ser avaliada por pessoa menos graduada, na nova escola iria ser avaliada por alguém a quem reconheceria mérito para tal, esse deixou de ser problema, mas verifiquei que também na nova escola o ensino profissional sofria as mesmas pressões para “passar tudo”. Ora aceitar isso era mesmo demais. Senti-me a perder forças, achava que quem cedia estava a prostituir-se . É mesmo isso, não há melhor palavra. E meti os papéis para a reforma, aos 55 anos de idade. Pois assim foi, levei alguns anos a sonhar com os alunos que não tive e deveria ter, a sonhar com reuniões para as quais não tinha notas para dar, no próprio sonho me recordava que estava aposentada, não me podiam exigir nada. Acordava com alívio mas com sabor amargo.

E chega de confissões por hoje, até porque já não tenho desses sonhos, livrei-me deles também. A meia reforma vai emagrecendo, pois vai, perdi muito dinheiro nestes 12 anos em que normalmente estaria no ativo (agora estaria reformada na mesma pois tenho 68 anos), mas não me arrependo nadinha do que fiz. Fá-lo-ia de novo!





É só queixumes

18 01 2023




A minha luta atual . Cada qual com a sua , de acordo com as prioridades e os “prazos” de validade

16 01 2023

Filmado com telemóvel sem edição, mas não é preciso pois não se vê o operador que tem de olhar para a direita para ver o braço articulado. Tem correntes de aço giratórias. Nada escapa. A voz é minha, pois aquilo dói e enervo-me sempre que a máquina passa. Sei que o profissional até é mesmo cuidadoso, pois já tenho visto muito mais terra levantada. Isto foi filmado em julho deste ano, mas a intervenção é feita pelo menos 2 vezes por época de fogos. Tudo está limpo do lado de cá e de lá da estrada. Os arbustos seguravam a terra , não eram eles que iriam causar um fogo. A lei não pode, ou melhor, não deve ser aplicada cegamente. Posso acrescentar que este operador da máquina e em sua defesa (pois não é minha intenção criticar quem está apenas a cumprir ordens e a fazer o seu trabalho )só limpou a cerca de dois metros de altura, mas aquele braço telescópico pode ir até lá acima à borda do talude, como vi fazer quando o operador era outro. O que eu defendo é que aquela máquina não seja usada em taludes como este.

O depois:

As árvores vão ficando com as raízes à vista e depois dizem que estão perigosas, podem cair… pois podem , agora podem, mas assim, uma a uma , centímetro a centímetro vou ficando sem árvores nem terra pois a construção de cantaria que se vê numa das fotos é um local de arrumos, foi restaurada e qualquer dia irá estar sobre o precipício como a cabana do Charlot. Se tivesse graça eu ria-me, mas não tem. Já agora, o que se vê de verdinho deste lado da estrada são trevos que nascem em profusão quando a temperatura é amena e há água… tudo isso será limpo na devida altura, para cumprir a maldita lei, nem arbustos consigo ter tanto de um lado como do outro , pelo menos a um metro do talude cortam tudo o que é arbusto dito selvagem. Antes deste operador havia outro que até conseguia estraçalhar alguns ramos das árvores também com o tal braço telescópico das correntes.

Aquele sobreiro adulto qualquer dia cortam-mo. No entanto é ele que segura a terra, cai tudo à volta, menos a parte que ele ainda segura apesar dos ataques sucessivos . Apetece desistir de lutar. Mas não. Vale a pena lutar. pelo menos ainda estou ao abrigo da exceção à lei quanto a densidade de árvores, TODAS autóctones e que ATRASAM O FOGO ao contrário do que um tal prof doutor Fernandes da UTAD anda por aí a espalhar nas redes sociais (ou seja , anda a tentar convencer os brutos ou os que não estudaram o assunto). Esse é o tal que antes dizia que os sobreiros eram árvores bombeiras , mas agora está ao serviço de outros interesses e desdizeu-se e teima que ardem mais que o eucalipto. Eu só queria que ele tivesse de fazer a escolha na vida real, ou seja, acontecer ter de escolher para onde fugir de um fogo por exemplo… O sobreiro adulto só arde de copa se houver eucalipto a explodir por perto ou pinheiro a arder de copa por perto, ou muito mato denso e alto, mas mesmo assim atrasa, pois as partes com cortiça ardem muitíssimo mal . Por aqui , tanto de um lado como do outro da estrada limpamos todos os anos , não há matos.

Os pinheiros muito altos conseguem fazer morrer o fogo a meio caminho do tronco e se forem mesmo muito altos não ardem de copa, a menos que se esteja num fenómeno extremo como em outubro de 2017 : o pinhal do rei ardeu todo de copa, mas o fogo começou ao pé de um eucaliptal que confinava com o pinhal do rei na Barosa. Mas , mesmo assim, o que aconteceu em 2017, por cá, está à vista. Os sobreiros rebentaram pelos ramos que não arderam, as folhas e alguns ramos mais fininhos arderam e as árvores ficaram pretas, mas rebentaram todas, o eucaliptal interminável e contínuo ardeu todo a uma velocidade absolutamente inimaginável e agora, 6 anos depois de ter regenerado todo pela base ou de sementeira , já está tão alto que qualquer dia temos outra vez festival na época própria. Mas as minhas árvores e arbustos é que são perigosos…..





Sei onde estaria hoje, mas… passei de prazo

14 01 2023

Post vazio





Começa o ano muito mal

4 01 2023

Não me alegro nadinha com a morte dos 400 jovens soldados russos . A guerra é um horror e a forma como se denunciaram revela tanto sobre a preparação para o combate e a inépcia e incompetência dos seus comandantes que até fiquei agoniada. Podem os majores-generais Agostinhos Costa e o Branco, na CNN, dizerem os disparates que quiserem para defenderem a supremacia russa . O outro major general também diz disparates , mas não defende a Rússia tão obviamente. Eu quero que a Rússia seja forçada a retirar de todo o território e desejo que perca também a Crimeia. Mas que seja à custa de uma substituição de Putin por uma pessoa razoável , democrata ou democratizante, e não à custa da morte de muitos jovens russos. Mas, infelizmente, estamos numa guerra e há vítimas de ambos os lados e quem atacou sem ser atacada foi a Rússia. Por isso defendo que se apoie a Ucrânia com armas, de outra forma como se faz? Enquanto não há um golpe que mande o Putin às urtigas? Dizem que pode haver pior. Mas eu não acho que possa haver pior. Se houver, significa que quem precisa de ser desnazificada é a santa Rússia e não escaparemos a um envolvimento global. Deus nos livre de tal coisa. Mas o que faz Putin já é nazificante que chegue.

Por cá temos o Galamba como ministro das infra-estruturas… mas ele não está a ser investigado? Começamos tão mal….

Nota: desculpem, mas desisti de ir rever o uso do hífen…., agora não sei e nem quero saber.





Valerá a pena repetir-me?

28 12 2022

Não vale mesmo a pena , mas quero relembrar que num país onde lavra a corrupção , onde a diferença abismal entre os rendimentos e regalias pagos pelo Estado (ou seja , pelos contribuintes) a grande número dos seus empregados e a certas outras pessoas que (vai-se sabendo) não diferem assim tanto nem no currículo académico nem mesmo no da experiência profissional , a desmotivação para abraçar certas profissões bem como a de pagar impostos aumenta na mesma proporção?

Não vale a pena mesmo, pois andam todos ao mesmo e a revolta é mais inveja do que princípios….

A ignorância domina, só uma pequena minoria se preocupa de facto com o ambiente, o nível de exigência nas escolas vai diminuindo progressivamente, acompanhando aliás tendências que parecem ser europeias, ao mesmo tempo em que se carregam os professores de burocracias intermináveis e retirando-lhes a possibilidade de uma carreira.

Ninguém equaciona a possibilidade de sobreviver sem automóvel, nem as pessoas nem as Câmaras Municipais. .Neste pequeno concelho dito do interior , fora do período escolar quase não há carreiras para lado nenhum. Mesmo durante o período escolar, as aldeias dispersas estão isoladas, ou se tem carro ou se vai a pé à vila. Há propaganda, sim , que se vai resolver… até há um autocarro que se tem de reservar de véspera… isto é normal? Parece ser e entretanto querem que as pessoas se fixem no interior… mas, viver na cidade ou viver na vilória com ares de cidade atrai alguém? As pessoas vêem no campo a possibilidade de terem uma casinha independente com verde à volta…. mas nem isso deixam, pois há a lei de gestão de combustíveis ou seja a lei da desmatação, a lei que empurra os pacóvios sem dinheiro ou sem forças para essa “gestão” a venderem às papeleiras os seus terrenos de minifúndio, aquelas entretanto juntam tudo e transformam-nos em latifúndio e plantam eucaliptos: algumas são plantações de substituição, outras inteiramente novas plantações expandindo a área de eucalipto cada vez mais. Muitos nem precisam de vender, plantam eles mesmos….. Mas o município recebeu a bandeira verde….

Entretanto nem comento o que se tem ouvido na CNN sobre a invasão da Ucrânia. Hoje fiquei a saber que Goebbels era general… promovido pelo general Isidro Moraes Pereira, só pode.





Hoje apetece-me ouvir e partilhar isto

27 12 2022

Uma versão muito especial. Uma lição de música. Ou seja , por favor , não usem o falsete quando não é preciso… sobretudo se não tiverem voz para falsete… não gosto nada da palavra falsete. Ney canta sempre neste registo, magistralmente. Esta voz de contratenor sem vibrato é inimitável e a mim soa-me muitíssimo bem.

Uma homenagem aos pescadores que deixaram mesas vazias e/ou lugares vazios neste Natal.