Franklin Pereira: sitar

30 07 2010


O Alap é interrompido de forma brusca mas são coisas do You tube

Mais um sitarista em Portugal que ainda não conhecia, Franklin trabalha sobretudo no Norte do país.
Contacto: frankleather@yahoo.com
Para além dos recitais faz trabalho de divulgação da música indiana junto de escolas do ensino básico e jardins de infância.

Mais informações:
www.yogavaidika.com
www.pazpazes.blogspot.com





Forma de resistir ao calor

29 07 2010


Manter esta posição desde as 10h da manhã até às 19h, quando começa a refrescar.
Trata-se de um gato com 16 anos o que justificaria a precaução e a imobilidade, mas seria diferente quando era jovem? Já não me lembro bem, mas acho que esta estratégia foi sempre adoptada, mais hora menos hora, mesmo quando era um jovem felino, cheio de ideias para executar, o que fazia sobretudo nos sonhos agitados que sempre teve. Com estas temperaturas, nem em sonhos ele se move. Mas num destes dias, pela noitinha, na escuridão (ainda não havia luar) já tinha atravessado a estrada e ia não sei bem para onde, quando fui à procura dele e o encontrei graças a uma lanterna e aos olhos reflectores do felino que permitem, à noite, localizar um gato mesmo preto, ou pardo… Apesar de ter uma quinta de quase um hectare para explorar, preferiu ir para o outro lado… o proibido. A transgressão é mesmo típica dos gatos, mesmo com 16 respeitáveis anos.





Isabel Silvestre e grupo de cantares de Manhouce

27 07 2010


Lembrei-me de Isabel Silvestre para acompanhar os posts rurais de hoje. Mas Manhouce fica muito a Norte em relação a “Vale de Corvos”. Nos tempos que se vão seguir irei mostrar mais deste município de “Vale de Corvos” embora sempre sob pseudónimo. Depois poderá haver um prémio para quem o identificar. Hoje só adianto alguns dados da morfologia: cerca de 400 m de altitude, é um planalto vasto rodeado de montanhas, tipo frigideira, por isso hoje devem estar 39 graus centígrados, como ontem. Não se pode dar um passo lá fora sem suar um quarto de litro de água …





Nossa Senhora do Alívio

27 07 2010





O tanque centenário, a água e o alívio

27 07 2010


“Dantes” havia água todo o ano. De nascente. Hoje há água até Maio e em anos de chuva. Um pouco caro manter as rãs e tritões, com água da “companhia”. Todos fazem “furos”, por isso cada vez há menos água. Terei que fazer um também, está bem de ver. Dizem que a 100 m se encontra água… Isto faz-me lembrar qualqer coisa… Um dia a água esgota, tal como o petróleo, é facto conhecido. Mas para onde foi tanta água que choveu sobre o nosso país? Guardá-la num tanque de rega, é possível, embora o investimento seja caro, e tem limites, esgota-se após duas ou três regas, como aconteceu ao poço com 3m de profundidade e que antes era de nascente generosa: agora, uma semana depois de esvaziá-lo, ganhou 5cm de água… (e está tapado, não evapora muito).

“Dantes” havia uma espécie de fresco no nicho. Achei interessante colocar lá uma imagem de Nª Senhora, em cerâmica. Que não fosse muito cara, caso algum “trespassador” a roubasse. Loja dos chineses, e lá estava, entre dezenas delas, uma imagem discreta, feições da Senhora e do Menino muito perfeitas e exactamente do tamanho adequado. E, por coincidência, a imagem é de Nª Sª do Alívio. Vem na oportunidade certa… Não pensem que acho que vai haver milagre e jorrar água, não é isso, embora fosse bom, mas estou a pensar na minha reforma, na minha nova fase de vida e do alívio que é não estar no manicómio em que Sócrates final e definitivamente transformou a escola pública… (não foi só ele, ele apenas concluiu a “obra” de sapa de muitos ministros e secretários de estado anteriores).





Sitar: Nikhil Banerjee

24 07 2010




Tour: uma vez mais, Contador

24 07 2010

A BOLA.pt

Por Redacção

A vitória da 19.ª etapa da Volta à França sorriu ao suíço Fabian Cancellara (Saxo Bank), mas serviu para certificar o próximo vencedor da prova: Alberto Contador (Astana).

O espanhol resistiu à pressão mantida pelo luxemburguês Andy Schleck e mantém-se de amarelo após o contra-relógio de 51 quilómetros entre Bordéus e Pauillac.

[…]
O sete vezes campeão do Tour, Lance Armstrong, terminou a tirada na 67.ª posição, mantendo o 23.º lugar da classificação geral.

Os portugueses Sérgio Paulinho e Rui Costa terminaram, respectivamente, no 90.º e 122.º posto. Rui Costa acabou por subir um lugar na geral, para 73.º. Já Paulinho segurou a 46.ª posição.
16:22 – 24-07-2010

Pelos vistos, temos sucessores para o Planeta, perdão, para Lance Armstrong: A. Contador e A. Schleck, este último muito jovem podendo evoluir bastante com a experiência.