Morning mood: ainda e sempre a geração canguru….

22 01 2014

Algumas ideias sobre as quais é difícil ser racional neste momento, pois resultam de irritação.

Quem convenceu alguma parte (grande parte) da  geração pós 25 de Abril de que os pais lhes são obrigados a dar cursos superiores que não acabam nunca (ou porque vão chumbando ou porque depois da licenciatura vem o mestrado , depois o doutoramento, depois os pós doutoramentos e a idadezinha vai entrando pelos trinta adentro…) .Quem convenceu essa geração de que os pais são obrigados a suportar economicamente os filhos ad eternum, muitos dos quais  se recusam a aceitar qualquer emprego e alguns nem procuram? O que leva os pais a fazê-lo? A necessidade de se sentirem precisos quando as suas vidas se esvaziam porque os meninos ganharam “autonomia” para fazer o que bem entendem embora a verdadeira autonomia (a económica) esteja longe… mas longe é bué de chato, um emprego ao lado da casinha dos pais é que era bom… e depois vão tratando os pais como se/os habituaram a fazer.. como serviçais, enquanto esperam as refeições à hora conveniente, a roupinha lavada etc. Não estou a generalizar , sei bem que muitos já emigraram alguns com bolsas de investigação, outros sem elas, outros simplesmente para trabalhar no duro, nas mais variadas áreas apesar do diploma. Mas isto é só um pensamento matinal, ou melhor uma emoção que me vem de casos que conheço. Relembro que não tenho filhos, deve ser por isso… dirão os papás e mamãs que sabem bem que estão apenas a repetir o que fizeram a vida toda: protegê-los como se ainda estivessem no útero e tentar evitar a todo o custo que de lá saiam, queixando-se,  entretanto , mas voltando sempre a dar-lhes a prenda envenenada que lhes cortou/corta e/ou cortará a as guias principais das asas e os impedem de voar.

Agora que os funcionários públicos já viram os recibos, não será altura de deixarem as penas da prole em paz  e dar-lhes um impulso para … sei lá… serem pessoas completas aqui ou noutro lugar? Relembro que uma federação europeia com uma língua oficial, o Inglês ,tornaria semelhante a ida de uma pessoa trabalhar para a Alemanha ao de qualquer deslocação até superior (em km ou miles como queiram) nos EUA para encontrar emprego? Mas falar disso é pior do que falar do diabo , todos acham que há autonomia nos países por não haver federação… acreditam mesmo nisso? Independência???? Devem estar delirando aquele que acham ou querem convencer os outrso de que é a troika a origem de todo os males … como o Portas que diz que retomaremos a independência quando a troika sair…

Relembro que defendo uma federação europeia. Se tal não é possível relembro que acho que deveriamos sair da zona euro, não da UE mas do euro. Mas dizer isto é uma espécie de blasfémia, já nem o PC se atreve a o prof. Amaral anda caladinho ultimamente. E esta é a outra ideia mas esta não resulta de emoção mas da RAZÃO!!!!

Anúncios




Ciclismo: 1ªTaça de Portugal de pista (1ª etapa)

20 01 2014

Foi no sábado passado, no Velódromo Nacional em Sangalhos. Estavam lá as famílias dos atletas, os directores desportivos, alguns presidentes de clubes talvez um ou outro jornal de desporto e… o público em geral,  ou seja , nós. Como de costume, o Velódromo Nacional às moscas e a entrada era livre.  Mas as claques femininas, sobretudo de apoio a uma das atletas eram boas.

A televisão preferiu ir ver outras pistas: as de carrinhos telecomandados que circulam em rails . Um desporto de alto rendimento como se calcula…pelo que vi num dos canais estavam lá as crianças com algum poder de compra, todas crianças, embora dos 7 aos 77………..

Quanto ao ciclismo de pista aqui fica o aviso de que a segunda etapa é a 8 de Fevereiro e deixo lead e link  do jornal Multidesportos:

“Nacional de Pista 2014 (1ªE): Matias, Azenha e gémeos Oliveira dominam”

A primeira etapa da Taça de Portugal de Pista, disputada neste Sábado, no Velódromo Nacional, Sangalhos, assistiu ao domínio do elite João Matias (OFM-Quinta da Lixa) e dos júniores Ivo e Rui Oliveira (CC Bairrada). No sector feminino destacou-se Ana Azenha (CDC Navais), hegemónica na categoria de elite. (…)”

 





A neve virgem é bué…

13 01 2014




Avaliação… da Troika BCE, FMI, Comissão Europeia

7 01 2014

Houve alguma grelha com critérios , dimensões, objectivos, tais como, capacidade científica, planificação, relação pedagógica , trabalho com a comunidade , resultados e outros assim…?

Devia haver.

Eu dou-lhe MEDÍOCRE em todos os critérios, dimensões e objectivos, à excepção da capacidade científica e resultados onde tem MAU!





R.I.P. Eusébio

6 01 2014

pantera negra 2





1 vantagem do acordo ortográfico

4 01 2014

Inflação passa a ser escrita corre(c)tamente ou seja com um único c





My New Year message…

3 01 2014

Just saying once more that nobody is giving us anything. Our deficit is now resulting from the interest rates we have to pay and certainly the capital also matures and we pay or transform in another financial product that is interesting in terms of… INTEREST RATE. That means there will be a time that we payed in interest the same , the double , and triple of the total amount of the debt. The government has said that primary budget balance is positive, that means that the State is getting more money than the current expenditures, the resulting superavit (positive balance) being not enough for the debt service… therefore there is a deficit.
We are paying for the incompetence, the criminal behavior of some of OUR banks, of governments, and I don’t forget , will never forget, the “governance” of OUR Sócrates, the incompetence of OUR Victor Constâncio, now vice president of European Central Bank who could have avoid the crimes of the bank BPN which was sold by the present government to Angola for 40 million euros with the condition that the huge passive would be taken by the Portuguese state. And that’s what we are paying with all the cuts in wages of civil servants, and cuts in pensions of retired people!!!!!!!!!!!!!!!!
No, sorry, but we have not anything to thank to anyone. No country has GIVEN us anything!!! I don’t think they should give, what I am saying is THEY DID NOT GIVE , they are getting their income from the loans. So, NORTH EUROPEAN citizens,if your governments make you think we, so called “southern countries” ,are living on you, don’t believe, you gave us nothing! And by the way this “southern country” is very much western, check out in google maps!
HAPPY NEW YEAR!