Silêncio cúmplice (post com linguagem que pode ferir pessoas muito decorosas)

12 01 2016

Silêncio cúmplice! Da ESQUERDA alemã! Da esquerda europeia, da esquerda portuguesa, sobre o que se passou em Colónia na noite de São Silvestre (passagem de ano para quem não saiba) . O que se passou, nem me vou dar ao trabalho de descrever ou colocar links, procurem se não sabem, sobretudo os que andam ocupadíssimos com as presidenciais. Só adianto que entretanto o número de queixas (vítimas que apresentaram queixa) já atingiu 500. Coisa parecida aconteceu em Hamburgo e salvo erro , na Dinamarca. Esta é a forma que a canalhada macha e jovem que está já com o estatuto de refugiado da Síria encontrou de agradecer o convite de Merkel. Isto não é morder a mão de quem protege e alimenta, é cuspir na cara e na comida. Os media   continuam a tentar que se pense que os agressores/violadores são do Magreb (Algéria, Marrocos) . Que esses roubam pois é sabido, mas agressões sexuais , isso é novo. A polícia alemã tentou colar os meleantes carteiristas a estes ataques, como eles não têm sindicato , não podem desmentir. Mas os muçulmanos desses países já se vieram demarcar, dizendo que foram os “recém chegados” . Chegou a falar-se de serem maioritariamente sírios, isso não se confirmou. São maioritariamente da Algéria e Marrocos . O que faz a esquerda? O que fazem as mulheres alemãs, que não estão na rua massivamente a exigir a deportação imediata dessa gentalha? Ah é preciso julgamento, pois, e é preciso que apanhem pena superior a 3 anos para serem deportados… isto não é humanitarismo isto é pôr-se a jeito, para não usar expressão mais forte. Já disse no face e repito, se estivesse em França, eu votaria útil: MARINE ! Pois é preciso que ela esteja à mesa de negociações e mesmo faça parte do governo para que algumas das suas ideias quanto à imigração sejam levadas a sério. É isso mesmo, chamem-me os nomes que quiserem, mas primeiro sabem que mais? Primeiro sejam barcos, chalupas, escaleres, navios, sejam isso tudo, os que não levantam o cuzinho do sofá ou da cadeira do computador, que mal conhecem mundo a não ser dos livros e TV. Vão até Bruxelas e dêem um passeio naqueles bairros… ou Marselha. Para terem só uma ideia muito vaga, mas muito vaga ideia, têm o Martim Moniz. Calem-se os que nunca foram mulheres , se não me dão razão, ao menos calai-vos , o que é só continuarem o estado em que estavam : O SILÊNCIO CÚMPLICE! (em maiúsculas sim , pois representam grito). Nojo é o que sinto pelos machotes portugueses sobretudo os que se dizem feministas . Deixem -me diver-vos, vão BARDAMERDA……………………….! (estou mesmo a perder o “decoro”, mas podia usar outra expressão, convenhamos que estou já a fazer um compromisso) .
Acho simplesmente que refugiados deviam ser por esta ordem: mulheres com crianças, velhos, homens com família (com crianças) , algumas mulheres em risco (de  apedrejamentos , violações e coisas parecidas que mais não são que SHARIA) mas  parava aí. Os jovens, sobretudo os machos adultos que fiquem a lutar pelo seu país, já que têm tanta testosterona, gastem-na lá, em que lado , não me interessa a ponta de um corno!
Quanto à extrema direita: Onde estavam vocês naquela noite, cobardes? A incendiar prédios de famílias de muçulmanos pacatos? BARDAMERDA…. ……..! Para vocês também. Tristeza e nojo só de olhar para vocês e para as vossas bandeiras, venha o diabo e escolha, entre vocês e os que  violaram , apalparam (houve dedos em todo o lado, incluindo a vagina), insultaram e roubaram as mulheres jovens indefesas na praça da Estação Central de Colónia!

Lamentável mesmo é ver a displicência das mulheres feministas alemãs. ONDE ESTÂO VOCÊS?
Mulheres da Europa, informem-se sobre o gás pimenta ou taser, sobre a legalidade da coisa. Está na hora.

Este post foi actualizado em4 de Abril de 2016.

PS Entretanto a esquerda informou que afinal as queixas de abusos sexuais não foram 900, essas eram queixas de roubo e as que também inluíam os abusos sexuais eram “só metade”, ou seja 450…  Se isto é esquerda eu , de facto sou de direita.


Ações

Information

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: