Massacre em Paris: o Nazislão e a impunidade “politicamente correcta”

7 01 2015

Há por aí muitos erros de “análise concreta da situação concreta”. Sempre gostei desta formulação de Lenine🙂. Claro que agora não acho que possa haver análises concretas, elas são sempre abstractas por mais pormenorizadas que sejam… mas enfim, vamos ao que interessa. Ninguém está a ver onde está de facto o “ovo da serpente” ? Está entre nós, vai às mesquitas onde se prega o ódio e a jihad, à vontade, ao abrigo da nossa ocidental liberdade de culto, liberdade de expressão. Não sei como é em França mas em Portugal a Constituição proibe o discurso do ódio racial ou dirigido a grupos específicos. Os neonazis estão impedidos de fazer discursos de incitamento ao ódio. E nas mesquitas? Alguém responsável pela segurança das populações já ouviu o que por lá se diz? Seria bom que a polícia aprendesse árabe e fosse à mesquita de vez em quando , à paisana , claro está, até porque há muitos que com uma barba crescida se confundiriam perfeitamente com o resto dos “fiéis”.
O fenómeno é diferente do fenómeno nazi? Pois é diferente, mas não tanto, se pensarmos um pouco. A ideologia da raça superior, da expansão da pátria, das outras tretas todas não era uma religião? Acho que era.Muitos deram a vida por essa ideologia, acreditavam naquelas merdas. A única diferença é que os nazislâmicos aceitam a conversão em certos casos…. e os judeus não podiam alterar os genes e converterem-se em arianos… De resto está lá quase tudo o que caracterizou o nazismo e a sua intolerância. Não esqueçamos a queima de livros , a escolha de grupos específicos que ofendiam supostamente a grande nação germânica ou o seu líder. Neste caso, os nazislâmicos encontram o bode expiatório em todos quantos critiquem ou satirizem o profeta deles. Matam quando lhes apetece em plenas capitais europeias, agora em Paris no 11º bairro. Pretendem expandir, o objectivo agora é claro com o discurso explícito do ISIS, pretendem impor a sharia a todos os povos, têm um plano com mapa e tudo. Os ditos moderados não se ouvem , como não se ouviam os moderados no tempo do nazismo, foram sendo silenciados.

O que vai fazer Hollande? Diz que não se compadece com a ofensa ao ideário republicano… e então, que medidas vai tomar??????????


Ações

Information

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: