Um fado que não me sai da cabeça

17 08 2014

Já expliquei aqui que meu pai comentava sempre com a expressão “Povo que lavas no rio…” os escândalos financeiros , a corrupção, a lei dos “pobres que paguem a crise” . Como a letra deste poema de Pedro Homem de Mello lhe dizia tanto , e de tanto o postar aqui e no facebook agora não me sai da cabeça. Encontrei mais uma óptima interpretação:

Deviam traduzir a letra, o fado não é apenas uma tradiçãozinha deste “país do sul”…

Ps. Não era David Mourão Ferreira mas Pedro Homem de mello, perdão pelo lapso.


Ações

Information

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: