Visita inesperada

25 07 2014

Ontem ao princípio da noite… Primeiro apareceu um focinho ponteagudo na porta aberta para as traseiras – a eira. Investigámos: andou por ali como se conhecesse bem o lugar e estivesse à espera do jantar. Lá lhe demos o que tínhamos à mão: comida de gato, que comeu ali ao pé de nós. Ora este bicho é selvagem e pertence à selva. Só que a “selva” vai ficando cada vez mais reduzida. Cortam as árvores , limpam as florestas de arbustos e matos. Resultado: não há coelhos, pois não há arbustos nem nada para eles comerem. O mesmo com as aves. E o resultado é este. Não vimos a mãe desta criatura, possivelmente foi morta pelo “povo” que não gosta delas por irem às galinhas , ou ficou na estrada por baixo de um carro. Esperemos que não. Que encontre a sua família e que vá para os pinhais que ainda restam. Não me estou a ver a adoptar uma raposa como se fosse um cão. Apetece , mas não está certo. Entregá-la a morte certa também não quero, se perdeu a família, nem sabe ainda caçar. Se ela aparecer hoje à noite vou alimentá-la. Aceitam-se e agradecem-se sugestões alternativas , aqui no blog ou no facebook.

IMG_2014_07_24_3977

IMG_2014_07_24_3978

IMG_2014_07_24_3976

Anúncios

Acções

Information

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: