Esclarecimento sobre o meu eventual apoio a António Costa, a voz do mesmo e os vampiros

9 03 2013

Para entenderem o que quero dizer (e que deixei em comentário no blogue de Paulo Guinote há alguns dias): aqui há dois anos o Dalai Lama elogiou a voz de António Costa. Achei um bom sinal.

Já aqui escrevi em carta aberta a António Costa as razões do meu apoio à sua candidatura a líder do PS e a futuro Primeiro Ministro. Acontece que , entretanto, ele parece estar mal acompanhado e não se demarca da clique socrática. Assim sendo , nem que ele cante lindamente o “OM” 108 vezes, na versão abreviada ou na versão extensa, nunca votarei PS. Nunca o meu voto irá para o PS só por António Costa vir a aparecer em comícios a ajudar Seguro. Pode apoiá-lo 108 vezes , por mim , nada feito ,não suporto este PS unanimista, com memória curta, irresponsável, lavando a responsabilidade da governação Sócrates com o “sangue” do já anémico Passos Coelho, este mal acompanhado e cuja massa cinzenta vai encolhendo à medida que os dias de péssima governação vão passando. Nunca na vida votarei NESTE PS. Eu ainda tenho memória e Sócrates deveria estar com pena de prisão se o povo fosse como os islandeses que por aí se admiram muito mas que ninguém tenta nem sequer imitar numa queixa crime por gestão danosa a esse senhor Sócrates que agora tem tacho em empresa que literalmente vai ganhar dinheiro com o sangue dos Portugueses. . Vampirismo no sentido literal é tão macabro que já nem dá para humor negro.
Assim não acho que António Costa vá alargar a base de apoio do PS como diz Paulo Guinote e muito menos com Daniel Oliveira. Não o conseguirá só por existir, só por Costa aparecer a apoiar Seguro, pelo menos não resulta comigo. Tem que fazer mais, tem que dividir o partido, tem mesmo que clarificar posições.
E, claro está , não será com Daniel Oliveira que a base do PS se vai alargar, nem o apoio a Costa ganhará nada com Danieis Oliveiras, nem vou escrever mais nada sobre este último.

Aqui ficam as duas versões do “OM”: podemos sempre cantá-las, mal não fará. Tenho para mim que o que se diz na Bíblia “no princípio era o Verbo” corrobora esta importância para hinduístas e budistas do “OM”. O “verbo” é som embora o significado seja TUDO, seja o “Eu Sou Aquele que Sou”. Portanto no princípio era o som…


Versão reduzida


Versão longa


Ações

Information

2 responses

9 03 2013
Paulo Guinote

A saída do DOliveira do Bloco, no momento em que foi, depois de tudo o que se passou… é como aquelas saídas do PCP nos anos 90…

Gostar

9 03 2013
mcgs07

Faz lembrar sim, mas o Oliveira parece-me muito menos sinistro que um José Magalhães, por exemplo. Daniel Oliveira irá tentar surfar a onda António Costa, sem dúvida, mas o seu eventual protagonismo será inofensivo e não me assusta, por insignificante. A inteligência de Magalhães aliada à sua longa escola estalinista teve consequências no país.

Gostar

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: