Touradas : desmontagem do mito sobre a pega

11 12 2012

Ler toda a informação neste link no facebook dos Marinhenses anti-touradas

O wordpress não tem um processo automático de ir buscar ao facebook os artigos, ou eu não sei fazer. Deixo o link com o comentário que fiz no share e outras considerações que acrescento aqui no blogue.

Para sabermos mais sobre a parte da tourada que é normalmente considerada menos cruel e mais equilibrada em termos de força bruta. Eu até há bem pouco tempo também pensava isto mesmo, mas à medida que vou sabendo mais, sinto-me na obrigação de contribuir para a descontrução do mito.
O artigo da foto tem duas partes, convém ler tudo. Mas isso não invalida que pense que é toda  essa mitologia que envolve um jovem que cresce no meio da aficion e que quer ser toureiro, cavaleiro, forcado, etc , que explica os seus comportamentos. Não é lavagem ao cérebro? Eu acho que a aficion funciona como seita que anda à volta de mitos ancestrais, ou seja, primitivos, com muito marialvismo à mistura e não quer ver o sofrimento do animal, ou subestima-o por ignorância. Não quero acreditar que todos sejam sádicos, há muita falta de informação.
O problema é ser legal a tortura de animais e o espectáculo respectivo. Há que torná-lo crime, sem dúvida. Entretanto,tentar convencer as pessoas indecisas sobre este tema é importante, assim como tentar penetrar na poeirada mental dos ambientes da tauromaquia, o que é mais difícil, mas os miúdos vão à escola, esta deveria ter um papel determinante na formação dos valores morais do jovem, valores esses que julgo serem assumidos por uma clara maioria de pessoas que são contra essa barbárie, pena é que não haja um escrutínio qualquer sobre a ilegalização da tourada.


Ações

Information

One response

12 12 2012
MGR ANTI-touradas (@MGRAntiTouradas)

Concordamos com tudo. É passada, desde muito cedo, às crianças, a mensagem de que não está errado dar-se a utilização que a tauromaquia dá aos bovinos, e acaba por haver uma dessensibilização. Algumas crianças, quando adolescentes ou adultas vão conseguir refletir e fazer as suas escolhas, mas outras acabam, naturalmente, por continuar a olhar apenas para o lado artístico da tauromaquia e nem param para pensar “será que os animais não sofrem?”, “será que ser tradição é mais importante do que o aspecto do desrespeito para com os animais?”, etc.

Deixamos uns links que demonstram que tipo de valores são transmitidos pela indústria tauromáquica às crianças:

http://diariotaurino.blogspot.pt/2012/04/arronches-assinala-dia-mundial-da.html

http://diariotaurino.blogspot.pt/2012/10/parrita-foi-escola.html

http://diariotaurino.blogspot.pt/2011/09/arronches-praxedes-lanca-escola-de.html

Gostar

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: