Actualização do post anterior

13 01 2012

Afinal o candidato que ganhou também tem nome relacionado com árvore de fruto. É Figueiredo e ganhou as eleições. De quê? Da Liga ou qualquer coisa parecida, seja lá o que isso for.
Entretanto devo avisar que me pareceu que a minha receita só funciona na RTP 1. Hoje dei uma olhada nos outros canais, na parte do futebol. Não têm as legendas com os acontecimentos do dia.
Mas acho que hoje não se passou nada,só o costume, falências de empresas, salários em atraso.
Nada que preocupe muito o actual governo. Claro que tudo isto era de prever, ou estava previsto…

Entretanto, é sabido que haverá muitos milhares sem cinto há algum tempo e esses não poderão apertá-lo mais. Mas muitos outros ainda podem ser mungidos…

Que mais nos irá acontecer?

O Serviço Nacional de Saúde está a entrar em ruptura de funcionamento em consequência do défice de financiamento…

Tudo previsto?

Anúncios




Como poupar tempo a saber as notícias

13 01 2012

Descobri hoje uma forma. É que já não há paciência para ver e ouvir várias vezes que o procurador alemão foi baleado em pleno tribunal, que os gandulos destruiram 5000 em material  para assaltar uma loja de onde levaram apenas 150 euros, tudo gravadinho em reality show (estou a falar da RTP1, mas os outros são iguais) a cadela galega que aparece a 300km de casa, 7 anos depois ( podia dar uma canção ou um livro , os sete anos são sempre românticos, mas neste caso, foi um chip que  poupou a cadelinha à trágica pergunta: “romeira, quem és tu?”) … E que há maçonarias de esquerda e de direita… (haverá Opus Dei de esquerda também?)…E ainda  que o Catroga está cotado na bolsa dos veteranos gestores de empresas… e acumula com a reforma …

A forma de saltar todos estes faites daivers  é simples: esperar pela parte mais extensa do  “desporto” (mais contínua, quero eu dizer, já que todo o telejornal é polvilhado de notícias de desporto, ou seja , de futebol).  Resumindo, esperamos pela última parte do telejornal e durante as importantíssimas notícias do macrocosmos da bola, vai-se lendo aquelas legendas que passam a correr em pé de página, mas que têm o essencial do que se passou no dia , enquanto se vai ouvindo umas coisas estranhas como o Oliveirense e o Nacional nas meias finais onde está o sporting e mais não sei quem e ainda umas eleições com um laranjo, e outro qualquer com nome menos agrícola.

A propósito de laranjas, e falando de coisas sérias, este ano a produção foi enorme , deve ter sido assim em todo o lado. Em Vale de Corvos, são pequeninas mas muntas